Pandemia faz alagoano repensar moradia e procura por casa aumenta 70%

Condomínio Vista Lagoa se destaca entre as opções na região Metropolitana.

 

Por muitos anos morar em apartamento era sinônimo de segurança, de qualidade de vida e de redução de custos. Mas, a Covid-19 A fez com que as famílias repensassem muitos hábitos, sejam espaços, privacidade, lazer e até a prática de esportes. Além disso, pesquisadores mostram que a pandemia mudou o modo como as pessoas se relacionam com suas casas. Com o isolamento social e a necessidade de aderir ao modelo de home office, muitos trabalhadores tomaram consciência da importância de contar com espaços mais amplos e confortáveis.

Segundo pesquisas realizadas pelas corretoras de imóveis, mostram que a procura por casas cresceram mais de 60% durante a pandemia e que a tendência é aumentar cada vez mais. As quedas nas taxas bancárias ajudaram nessa busca que e já mostra que o mercado está aquecido.

O corretor de imóveis, Wilker Gabriel, projeta que a procura para os próximos meses chegue aos 90% em comparação com o mesmo período do ano passado, destacando que, para a economia, este período é de baixa temporada.

“Nós tivemos uma procura em torno de 70% a mais do que o ano passado em relação a terrenos e casas em condomínio horizontais, e a tendência com a baixa de juros imobiliários, tanto nos bancos públicos quanto privados, vem incentivado bastante a construção civil. Até dezembro devemos ter uma procura acima de 90%”, destaca.

Wilker também destacou que o Condomínio Vista Lagoa, localizado em Marechal Deodoro, há 10 minutos de Maceió, é um dos mais procurados pelas famílias, por toda a estrutura oferecida para os clientes.

“O Vista Lagoa é um empreendimento diferenciado, chamamos ele de incomparável. Ele tem cerca de 50 mil m² de área verde junto com área de lazer. Dois acessos para os moradores, um deles fica em frente à Lagoa Manguaba, onde fica a ‘prainha’. A Taboada Incorporadora e a Marco Empreendimentos, construtoras do Vista Lagoa, garantem que o empreendimento será entregue equipado com o que a de mais moderno no mundo”, disse.

O advogado Rafael Acioli será um dos futuros moradores do Condomínio Vista Lagoa. Ele adquiriu um dos lotes e já está na expectativa de ir morar em sua nova casa. “A pandemia impôs alguns limites para nós. As áreas comuns dos edifícios, os ambientes de lazer, tudo isso precisou ser fechado e sua utilização ser proibida como medida de prevenção. Tudo isso fez a minha vontade de ir morar no Vista Lagoa aumentar. Ter minha casa, meu espaço, um cantinho só pra mim, minha esposa e meus filhos, com bastante espaço para usufruirmos. Sem falar no contato com a natureza”, contou.

Acioli destacou quesitos importantes que o fizeram optar morar no Vista Lagoa. “Sempre tive desejo de morar em um condomínio horizontal em Maceió, mas a grande maioria fica localizado na parte alta da cidade. Então conheci o Vista Lagoa e, desde então decidi adquiri um lote e vir morar aqui. É perto do meu escritório, onde em menos de 7 minutos me desloco entre um e outro; fica de frente para a lagoa, onde sou apaixonado por essa lagoa, tem uma grande proposta ambiental, onde mais de 10 mil mudas serão plantadas em toda a extensão do condomínio, sem falar na área de esportes, lazer e, principalmente, na segurança e qualidade do empreendimento. Vou realizar meu sonho e oferecer o melhor para a minha família”, concluiu.

Para o diretor da Taboada Incorporações, Luiz Henrique Taboada, o momento é propício para a compra de uma nova casa. A queda nas principais taxas imobiliárias facilitam a compra de um terreno ou imóvel e antecipa a realização do sonho de ter uma casa própria.

“Pensamos que a pandemia ia forçar uma queda na procura por casas, mas fomos surpreendidos e em apenas um mês vendemos uma quantidade de lotes equivalente a alta temporada, que é no final do ano. A tendência é aumentar essa procura, já que o mercado tem demonstrado que está aquecido e, provavelmente, essa onda permaneça assim até o próximo ano”, concluiu.

Seu voto é importante!

Clique em uma estrela para classificá-la!

Agradecemos sua participação.

Siga-nos nas redes sociais!

Sem Comentários

Desculpe, o formulário de comentário está fechado neste momento.